Chabad, Motocontínuo e Miami Tiger no Digi Club.

Noite fria, Sexta-feira 13, Dia do Rock. Enfim, essas coisas todas não importam muito a partir do momento que marcam o rolê e a rapaziada comparece.

Quem venceu a preguiça da friaca e saiu de casa, conferiu um matemático e rasgante show da Chabad, de Itapecerica da Serra/SP. Uma doidera muito torta, variações de ritmo que por vezes deixam a sensação de que deu algum problema no google maps e ele te mandou pro lado errado do caminho.

Quem não teme o azar imputado a um dia qualquer, deu a sorte de tomar uma porrada do Motocontínuo. Rockão com riffs e solos cheios de distorções. Letras cantadas entre urros pelo pessoal que acompanha a banda, e dancinhas peculiares, claro.

Quem entende que “Rock” não se limita a um estilo musical que existiu, mas sim que se recria e reinventa constantemente, reafirmou esse entendimento da coisa com o show da Miami Tiger. Tem ali algumas levadas de blues, de pop rock, e até de hard core. Tem muita coisa nessa banda: ritmos rompidos, lindos vocais da Carox, linearidades dançantes. Banda massa!

Por |2018-07-14T15:24:00-03:0014 julho - 2018|Rolês|
Ir ao Topo